JORNADA FINAL DA COPA DO MUNDO NAS RUAS DE RIO DE JANEIRO

Centenas de manifestantes se reuniram no dia 13 de julho na praça Saens Peña no ato “A festa nos estádios não vale as lágrimas na favela”.Nesse dia o Rio de Janeiro viveu a maior operação policial da sua historia. Ativistas e jornalistas agredidos e presos, e um cerco policial que manteve os manifestantes impedidos de abandonar a praça por mais de duas horas.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s